domingo, 4 de julho de 2010

Teste no XXII Grande Prémio de São Pedro


Fiz hoje o XXII Grande Prémio de São Pedro - Póvoa do Varzim...

Desde o Triatlo de Peniche que não participava em provas... Ainda estive inscrito na Corrida das Festas da Cidade, mas a esta fase é de adaptação da família aos 6 meses do André, o meu filho mais novo (é o tempo do regresso da mãe ao trabalho, das papas, de mais interacção, mais brincadeiras... neste caso, a dobrar)... não tem sido prioritário participar em provas, principalmente as que impliquem estar um dia inteiro fora de casa, ou mesmo meio dia que seja, inclusive ao fim-de-semana... ou melhor, logo ao fim-de-semana, porque já à semana se tem que estar ausente!

No entanto, tenho treinado (sozinho, a horas tardias, nos "buracos" do trabalho, da vida) sempre focado no desempenho de uma prova curta (Olímpico de Aveiro a 17 de Julho). Ao contrário dos habituais treinos longos (para a Maratona ou para o Triatlo Longo) o meu pensamento é ter um bom desempenho em 1500mts de natação, 45 min. de ciclismo e 10Km de corrida. No caso desta última, tenho feito séries e mais séries... longas (1Km ou 2Km), curtas, 2X por semana, a 1:25 os 400mts c/ 30'' entre elas... etc.. Acho que nunca as fiz tão rápido...

A meio da semana, depois da decisão de não ir a Pedrogão Grande fazer o Triatlo Sprint, fiz a inscrição no XXII Grande Prémio de São Pedro. Logo se veria se estaria à partida ou não...

Não pensei muito na prova, mas hoje lá fui para a Póvoa. Ainda pensei que teria possibilidade de bater o meu recorde, mas no aquecimento já sentia as pernas cansadas (ontem fiz treino de natação e treino de transição de bike para corrida, num total de 2:30h). Para além disso, não tenho feito corridas e ainda pensei que mais valia fazer um treino progressivo... Mas voltei atrás e a opção foi arrancar a dar o máximo para ser um teste... Lá fui, a bom ritmo, mas não desenfreado, como me é habitual... Até ao 4º Km fui bem, num ritmo em torno dos 4:10min/Km, mas a sentir os meus músculos cansados. Depois do 4º Km, acabei por abrandar ... o cansaço apoderou-se mim... e fui cada vez mais lento... até ao final. Aos 8850mts tinha 39:12min, altura em que o meu GARMIN ficou sem bateria. Terminei com cerca de 45 min..

O teste não foi bom... Mas o treino, foi bom. Ainda pensei se não terei chegado a um limite, uma barreira, que não conseguirei ultrapassar... Mas estou convencido que terei de ter paciência e com os meses, os anos, os treinos, as melhorias virão...

Ainda vou passar esta semana a dar-lhe com força e no fim-de-semana que vem vou a Vila Nova de Cerveira fazer mais um teste. Já estive mais optimista, mas vou tentar estar bem em Aveiro, no Olímpico...



1 comentário:

PGomes disse...

Grande Rui,

um treino é um treino. Se estás com falta de confiança, dá um ou dois dias de descanso antes do próximo teste e os resultados vão aparecer.

O calor também não ajuda...