terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Balanço e projecto de 2012...


Faz agora um ano que tracei aqui um plano para 2011... Fui reler o que escrevi na altura e tudo andava à volta de um balanço do ano anterior e do projecto do IRONMAN de 2011.

Aproveito assim para retomar esse habito, e fazer um balanço de 2011, rever objectivos que tracei então e lançar alguns dados para o ano de 2012.

De facto, o ano de 2011 foi marcado pela realização do meu primerio IRONMAN, tendo conseguido treinar um enorme volume de horas e quilómetros e tendo alcançado o objectivo de realização de um tempo na casa das 11 horas. Foi um momento inesquecível, que quem já por lá passou sabe como é bom.

Mas o ano de 2011 também ficou marcado pelo tempo que tenho dedicado à recuperação da minha tendineite dos Tendões de Aquiles. Já agora, porque não tenho dado muitas notícias, no pé direito está recuperada, mas no pé esquerdo ainda tenho que ter alguma paciência. Ora, esta tendinite resultou do tal volume de quilómetros e tempo dedicado ao treino. Mas pronto, é uma consequência que aceito e só quero ultrapassar isto para poder voltar a correr e poder planear o meu próximo IRONMAN.

Quanto ao que me faz correr, aos objectivos que tracei há uns anos atrás:
  • Continuar com toda a minha família, juntos, alegres e com qualidade de vida – cá estamos, e eu com a sensação de ser um privilegiado de ter pais, irmãos, filhos e mulher a conviver comigo todo este tempo. E um par de amigos que até parecem mais irmãos...
  • 5Km = 20min – continuo sem fazer provas de 5Km…
  • 10Km = 40min – 42:06 é a minha melhor marca (Corrida dos Reis de 2011) … talvez 2012...
  • 15Km = 1h 05min – 01:07:02 é o meu PB, também de 2011 (GP de Cesar)
  • Meia maratona = 1h 30min – 01:32:46, mais um PB de 2011, logo no mês de Janeiro (mais uma vez) na Meia Maratona de Viana...
  • Maratona = 3h 25min – não fiz maratonas em 2011 (só a do IRONMAN)... e em 2012 quero baixar das 3h 30 min
  • Triatlo Sprint = 1h 10 min – por alcançar (só fiz um sprint em 2011)
  • Triatlo Olímpico = 2h 20min - por alcançar, mas fiquei à beira das 2h 30min. em Lisboa (02:30:54)
  • Triatlo Half Ironman = 5h – também me aproximei, mas percebi que não é fácil... (fiz 05:11:03 em Aveiro)
  • Ironman – FEITO…
Como se vê, melhorei os meus resultados, mas tudo até Setembro... depois disso, descanso, massagens, gelo e calor... e mais gelo e mais calor... e paciência.

Parece que está quase... e, se assim for, lá para Fevereiro poderei recomeçar a treinar corrida com regularidade, coisa que não tem acontecido nos meses de Outubro, Novembro e Dezembro (só em Dezembro fiz alguns quilómetros de corrida).

Quanto à natação e bicicleta, acho que nunca me senti tão bem nestas duas modalidades. Na natação, a nova treinadora da AASM Triatlo tem-nos dado umas sovas de respeito... e estou a começar a sentir uma maior evolução em termos técnicos. Quanto à bicicleta, foi este ano que comecei a fazer treinos indoor com rolos e foi o ano de treinos verdadeiramente longos (acima dos 100Km), e ainda, foi este o ano em que comecei a utilizar a bicicleta na deslocação para o trabalho (2/3 das minhas deslocações diárias foram de bicicelta)... Tudo junto, tem-me dado a sensação de andar como não andava antes.

Assim, se em Fevereiro começar a correr com regularidade, tratarei de fazer um Plano de Treino para estar em grande forma em Setembro-Outubro (para as provas Olímpicas de Triatlo)... Sim, este ano fico-me pelas distâncias mais curtas.

Em 2013 há mais longos.

Abraços.

4 comentários:

João Correia disse...

Uma época com Ironman só por si é um êxito pessoal enorme; pela dedicação que envolve, pelo empenho, espírito de sacrifício, planeamento e disciplina, entre outras coisa igualmente importantes. Para 2012, boa sorte e nada de lesões. É tudo o que posso desejar-te. E por lá nos iremos cruzar, assim espero.
Grande abraço, Rui.ann

Pedro Brandão disse...

Grande Rui.
Muita saúde e com muitos treinos e provas e sucesso e tudo o que possa desejar junto dauqeles que amas.
Um grande abraço

Joana Loures disse...

A Meia Maratona de Lisboa tem site novo, Facebook e Twitter. Quem vai fazer a ponte a pé este ano?

Triatleta disse...

Rui,

O essencial é o primeiro ponto. O restante, apesar de todas as energias que consome, é acessório...mas também importante, claro :-)

Abraço,

PP